Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A magia das salinas

por Os bloggers, em 08.08.17

Não é novidade que gostamos de salinas, quer para dar um passeio e relaxar, quer para disparar uns cliques. O cenário é bonito e muito tranquilo! Quase mágico!

No ano passado fomos a banhos numa salina em Aveiro e já este ano andámos a descobrir os caminhos de Alcochete, onde não faltou também um passeio pelas Salinas do Samouco.

DSC00427.jpgDSC00452.jpgDSC00444.jpg

No último fim de semana, e enquanto as férias teimam em não chegar, decidimos dar um passeio nas Salinas da Figueira da Foz. Desta vez ficámos a conhecer um pouco mais acerca da salicultura, ao descobrir a Quinta da Salina do Morro e o sr. Carlos, que simpaticamente nos falou um pouco acerca da arte de explorar sal - a sua profissão e paixão. Fica prometido para breve uma merecida descrição acerca do local.

DSC00455.jpgDSC00457.jpg

As salinas da Figueira da Foz brindam-nos também com uma fauna e flora muito características e não é raro avistarmos grandes famílias de flamingos, como nos aconteceu há uns tempos atrás. Estão recordados? Não? Ora, cliquem aqui. Muito bonito!

DSC00478.jpgDSC00487.jpg

E vocês, conhecem algumas salinas? Bons passeios!

 

Acompanhem-nos também no Facebook e no Instagram.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:00

Portugal Escondido | Descobrimos Flamingos!

por Os bloggers, em 02.11.15

Os flamingos são aves pernaltas, de bico encurvado, que medem entre 90 a 150 cm, com plumagem que vai de branco a rosa vivo. Alimentam-se de algas e pequenos crustáceos, que contêm carotenos, responsáveis pela cor das penas dos flamingos. Estas belas aves conseguem viver em zonas de grande salinidade.

DSC08844.jpgE foi numa dessas zonas salinas que fomos encontrar os "nossos" Flamingos, no estuário do Mondego, mais precisamente na Ilha da Morraceira, na Figueira da Foz. Um local de grande beleza, paz e serenidade, constituído por vastas extensões de sapais, caniçais, salinas, piscicultura e arrozais.

DSC08836.jpgOs flamingos existem em zonas de rara beleza, que valem de facto a pena conhecer. Levem uma máquina fotográfica com zoom, alguma paciência e preparem-se para caminhar. Os flamingos reagem facilmente a qualquer pequena variação no seu habitat e começam discretamente afastar-se da nossa direcção!

DSC08850.jpgDSC08861.jpgEm Portugal podemos encontrar flamingos nalgumas zonas húmidas do Litoral Centro e Sul, como:

- Litoral Centro: Ria de Aveiro e Lagoa de Óbidos, para além do estuário do Mondego.

- Lisboa e Vale do Tejo: estuário do Tejo (Ponta da Erva, Pancas, Ribeira da Enguias, sapal de Corroios, Parque do Tejo ou salinas de Alverca).

- Alentejo: estuário do Sado, Lagoa de Santo Andé ou Lagoa dos Patos.

- Algarve: Ludo, reserva de Castro Marim, Ria de Alvor, estuário do Arade ou Lagoa dos Salgados.

DSC08866.jpg

Divirtam-se!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:00


Mais sobre mim

foto do autor


Sigam-nos


O melhor blog do mundo


Instagram


Posts mais comentados



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.